Blog-PcD

.
google_ad_client = "ca-pub-5552983458095096"; /* 728x90, criado 15/07/10 */ google_ad_slot = "2283734358"; google_ad_width = 728; google_ad_height = 90;

Uma lei sob ameaça

Uma lei sob ameaça
Destes, apenas 306 mil eram preenchidos por pessoas com deficiência como decorrência da Lei de Cotas,  Por outro lado, dados do IBGE mostram que, também em 2010, existiam 3,8 milhões de pessoas com deficiência ocupadas, independentemente da Lei de Cotas, a maior parte no mercado informal. 
 
Entre essas resistências, uma das mais frequentes é a ideia de que não existiria no mercado um número grande de pessoas com deficiência capacitadas para o trabalho, seja por baixa escolaridade ou por falta de experiência profissional. 
Muito decepcionante é constatar que parte do setor econômico ainda despende tempo e energia tentando flexibilizar a Lei de Cotas, propondo substituir as contratações pela oferta de cursos de capacitação, compensação financeira para entidades do terceiro setor e outras mazelas que perpetuam a exclusão. 
Agora, as mesmas ideias voltam repaginadas em artigos do projeto do Estatuto da Pessoa com Deficiência, também em tramitação no Legislativo federal. 
A população não pode aceitar que setores tentem alterar uma lei que só agora começa a dar frutos. Ainda não vencemos a partida contra o preconceito, mas a Lei de Cotas é a melhor estratégia de que dispomos. Em time que ainda está empatando não se mexe, mas o que realmente buscamos é a vitória da inclusão e participação. 
PARA OUVIR O TEXTO, CLIQUE EM http://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2013/08/1322149-linamara-rizzo-battistella-uma-lei-sob-ameaca.shtml
 
http:/www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br/sis/lenoticia.php?id=1217
Classifique este blog:
Associação tenta mudar o olhar da sociedade para c...
Acessibilidade, Tecnologias e Comunicação são dest...
 

Comentários

Visitantes - Eder Gomes Silva em Sábado, 11 Janeiro 2014 11:53

È um absurdo...


Devemos nos mobilizar para impedir uma regressão dos poucos direitos já adquiridos.

Sou deficiente Físico contratado pela cota de deficientes da minha empresa.

Acredito ser essa a melhor forma de inclusão possível, mostrando as pesoas com necessidades especiais em compatibilidade com os outros profissionais do mercado de trabalho.

Bom dia.

0
È um absurdo... Devemos nos mobilizar para impedir uma regressão dos poucos direitos já adquiridos. Sou deficiente Físico contratado pela cota de deficientes da minha empresa. Acredito ser essa a melhor forma de inclusão possível, mostrando as pesoas com necessidades especiais em compatibilidade com os outros profissionais do mercado de trabalho. Bom dia.
Visitantes - luiz Carlos Castro em Terça, 14 Janeiro 2014 20:13

Existem muitos portadores de deficiência física capacitados e preparados para o mercado de trabalho, sou concursado pelas cotas e achou sim uma forma de inclusão.

0
Existem muitos portadores de deficiência física capacitados e preparados para o mercado de trabalho, sou concursado pelas cotas e achou sim uma forma de inclusão.
google_ad_client = "ca-pub-5552983458095096"; /* 728x90, criado 15/07/10 */ google_ad_slot = "2283734358"; google_ad_width = 728; google_ad_height = 90;

Voltar ao topo